... ...

Como é que a desidratação pode afetar o desempenho desportivo

Quem anda nisto das corridas sabe que um dos fatores mais importantes a ter em conta é fazer uma correta hidratação durante os treinos e competições! A desidratação pode causar problemas no seu desempenho quer em treinos e competições.

Como é que a desidratação pode afetar a sua performance?

Porque é que é importante se manter hidratado? Porque a água é a chave para manter o sangue, que contém oxigénio e sódio que são extremamente necessários, fluindo rapidamente e facilmente para o coração, pulmões e músculos. Para além de ajudar cada parte do corpo a funcionar bem e atingir o auge da performance. No entanto, quando o organismo está desidratado, consequentemente o sangue se torna mais espesso, o que faz o coração trabalhar mais para bombear sangue para as partes do corpo que precisam de combustível.

Beber líquidos com regularidade durante a corrida, compensará a perda de líquidos através da transpiração e manterá tudo em equilíbrio dentro do organismo e ordem de funcionamento. Uma nota de precaução especialmente para os corredores iniciantes, é que podem estar a beber muita água enquanto correm. Isso é chamado de hiponatremia, pode ser difícil para muitos corredores novatos entenderem, porque a maioria dos treinadores por norma insiste bastante para os seus atletas se hidratarem. Como corredor iniciante, provavelmente não corre no mesmo esforço e ritmo que um corredor mais experiente e com mais anos de treino. O que significa que pode suar menos. Em outras palavras, pode não perder tantos líquidos e tão rápido quanto alguém que corre com mais esforço e ritmo.

Há outras pessoas que apesar do pouco esforço despendido suam bastante durante o exercício, isso contribui bastante para a desidratação. O peso, tamanho e género também podem aumentar ou diminuir a quantidade de suor do organismo. Estas são algumas coisas que os corredores iniciantes terão que aprender por experiência própria, quando começarem a correr de forma consistente. Certifique-se de prestar atenção ao seu nível de hidratação, pois pode ser a diferença entre correr bem e ter bom desempenho, ou “penar” bastante durante os treinos e competição.

Para evitar a hiponatremia ou excesso de hidratação, tente beber bebidas isotónicas com sódio adicionado, com mais frequência do que apenas água pura. Quando o organismo está excessivamente hidratado, o nível de sódio é baixo e o volume de sangue diminui.  Por consequência uma hormona antidiurética que retém a água é libertada (ADH), isso leva a mais sangue diluído e um menor teor de sódio. Não prestar atenção a estes fatores pode levar à hiponatremia, que pode ser mais perigoso até que a desidratação.

Como é óbvio não há uma formula mágica que resulte igualmente para todos, se não se hidratar corretamente a sua boa performance está em risco. Se se hidratar demasiado também corre o risco de não ter boas performances, logo a chave é encontrar o equilíbrio. O conselho que costumo dar é para se hidratar apenas quando o organismo pede, ou seja quando tiver sede. Em treinos de longas distância, tente correr por locais onde tenha sítios para se hidratar. Durante o verão a hidratação torna-se ainda mais fundamental devido ao calor, mas não faça com muitos que se vão hidratando constantemente devido ás altas temperaturas. Como referi em cima a hiponatremia também é perigosa! O EQUILÍBRIO É A CHAVE!

loading...

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: